Pages

terça-feira, 17 de abril de 2012

Tucanos do Tocantins: depois de ganhar eleição, recebem dinheiro até de adversários



Além do governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), outro governo tucano está com água de cachoeira até o pescoço: é Siqueira Campos, do Tocantins.

Além do próprio governador, seu filho Eduardo Siqueira Campos (PSDB), atual secretário de Relações Institucionais do governo do estado, e ex-senador, também aparece citado em diálogos constrangedores, nos relatórios da PF.

Em um dos diálogos, Cachoeira diz a um de seus homens, que "mandou um avião buscar Eduardo em Brasília, para saírem à noite" (supostamente em Goiânia).


A coisa começou a ficar esquisita quando Rossine Guimarães, ligado a Carlinhos Cachoeira, na Operação Monte Carlo, doou R$ 3 milhões para a campanha de Siqueira Campos. A doação foi dentro da lei, mas até as areias do rio Tocantins acharam esquisito essa doação só ser feita APÓS as eleições.

Eduardo Siqueira Campos resolveu dar uma explicação que é boa para um advogado apresentar em um tribunal, mas é péssima para a moralização dos costumes políticos:
“A doação que ele fez à nossa campanha, foi extemporânea. Se você observar bem ele apoiou o outro grupo durante a campanha, e ao final, depois do resultado que nos favoreceu, ele procurou o Comitê Central e fez uma doação como pessoa física”, disse.
Ou seja, Rossine apoiou o adversário durante a campanha. Depois que perdeu, resolveu apoiar financeiramente quem ganhou!

Os números do TSE comprovam. Antes da eleições o candidato adversário recebeu doações de R$ 507 mil e Siqueira Campos recebeu ZERO!

Depois que ganhou as eleições, Rossine desenvolveu uma "afinidade política" em rito sumário com Siqueira Campos, e doou R$ 3 milhões! São seis vezes mais do que o valor  doado ao candidato adversário apoiado no primeiro turno.

Por mais que se diga que há dívidas de campanha a quitar, e que a lei não proíba essa brecha, essa história de empreiteiro fazer doação milionária para adversário político, depois que ganhou eleição, chega a ser escárnio.

Se a moda pega, as eleições viram um lucrativo cassino dos chamados corruptores: Apostou seu dinheiro no adversário e perdeu a aposta? Passe no caixa para comprar mais fichas e continuar no jogo! A roleta viciada garante ganhos garantidos nos próximos 4 anos de governo, onde o único que sempre perde seu dinheiro é povo, que paga a conta.

Detalhe: o governador anterior, Gaugin (PMDB), era sócio de Rossine em uma empresa, e a campanha de Siqueira Campos atacou-os por supostos escândalos de corrupção. A parceira financeira após o pleito, além de imoral e suspeita, é uma traição ao discurso de campanha.

Esse é apenas mais um triste episódio, que comprova a promiscuidade do financiamento privado de campanha. Enquanto as regras forem estas, só são boas para quem gosta deste jogo.

3 Comentários:

Lula 3 Vezes disse...

Eu estou procurando um meio de entrar em contato direto com o Leandro Fortes ou o próprio Mino Carta para propor uma matéria de capa na Carta Capital com a seguinte manchete: “Por que a oposição corrupto-moralista e imprensa golpista tem tanto medo de José Dirceu”.

O momento seria mais que oportuno, dada todas as combinações de fatos que estão e estarão para acontecer no decorrer desse ano bombástico.

A mídia golpista está numa posição de ataque (defensivista) impressionante!

Muitos e muitos brasileiros ainda desconhecem o porque do José Dirceu ser o dragão de 7 cabeças para a imprensa golpista brasileira e para a oposição. E nada mais de extremamente útil se a Carta Capital lançasse em todas as bancas do País uma edição histórica para que aqueles brasileiros menos informados ou ainda manipulados pelo Jornal Nacional e Veja pudessem saber ou ter uma versão justa dos fatos.

Diante de tudo que está aos nossos olhos, a cada dia que se passa, eu acredito menos e menos que a imprensa golpista e a oposição demo-tucana, corrupta, criminosa e moralista, queiram incriminar o Dirceu somente para prejudicar os Governos Lula/Dilma. Não faria muito sentido. Colocá-lo numa prisão ou eliminá-lo fisicamente não faria um Serra ou Aécio subir automaticamente a Rampa do Planalto.

É preciso fazer entender claramente à todos desse porque, dessa tremenda cruzada anti-Dirceu. Pode ser que todo esse ataque midiático seja pura auto-defesa desesperada. Mas se fosse só isso, daria em quê, afinal de contas? Não se tem ainda em vista clara uma data precisa para uma Regulamentação da Imprensa no Brasil e outras reformas políticas sem um grupo forte (Dirceu, Franklin Martins e outros) que possa “encarar” o Quarto Poder no Brasil.

Mas certamente não seria somente isso. Deve existir muito mais coisas que a grande maioria dos brasileiros ainda desconheça. Caso contrário, o Ali Kamel e o Policarpo Jr. não estariam assim tão ferozmente focalizados numa pessoa só: o ex-Ministro da Casa Civil.

É preciso mais clareza desse “Por que a oposição corrupto-moralista e imprensa golpista tem tanto medo de José Dirceu”.

Alguém pode avisar o Leandro e a Carta Capital?

Geraldo Mendes disse...

Cabe ao Blogs progressistas massacrar a opnião pública com informações para tornar inviável, impensável adiar-se ou deutrpar-se a CIPdoCachoeira. Como perguntaria PHA, quantos Agnelos valem um Dirceu?

Anônimo disse...

O SC declarou estado de calamidade nas estradas estaduais e fez contratações sem licitação beneficiando doadores da campanha, entre elas a Delta.
Ao grupo do Rossine em 2101 desembolsou mais de 19 milhões. Pedro Antonio)

Postar um comentário


Meus queridos e minhas queridas leitoras

Devido os excessos de falta de educação e respeito de alguns comentaristas, e, para que o blog não tenha problema judicial, a partir de hoje o blog não publicará comentários anônimos.

Para você comentar usando seu nome, aqui vai o passo a passo.

1). Clique na palavra comentário no final do post

2). Ao abrir a página dos comentários, vá em COMENTAR COMO.

3). Clique em SELECIONAR PERFIL

4). Se você tem um email do Gmail, clique em contas Google.

5). Escreva seu comentário

6).Clique em enviar

7).Quando você clicar em enviar, vai abrir para você a página do seu email.

8).Basta você colocar seu login e senha.

9).Pronto! Seu comentário foi enviado para o blog

PARA VOCÊ COMENTAR USANDO SEU NOME:

1).Clique em: NOME/URL

2). Vai abrir uma “janelinha” pra você colocar seu nome .E o URL, (endereço do seu blog), se você tiver um blog. Se você não tem, não precisa colocar nada

3).Coloque seu nome

4).Clique em continuar

5).Escreva seu comentário

6).Clique em comentar

7).Pronto. Você já comentou. Basta aguardar seu comentário ser lido, aprovado. Em seguida ele vai aparecer no post que você comentou.
Viram, como é simples?

Muito obrigada por nos ajudar e colaborar com o nosso blog